In Comportamento

Amores!

Lembram quando postei os 10 primeiros segredos de toda mulher elegante? Então vamos lá…

Meninas, é possível adotar alguns hábitos do bem e se tornar uma pessoa educada e gentil, fazendo com a que a elegância seja um cartão de visitas da sua vida pessoal e profissional, sabiam?

Recapitulando ……….

Elegância está longe de ser algo relacionado à classe social ou quanto dinheiro uma pessoa tem.

Todo mundo na vida já conheceu gente rica e elegante, gente rica e grosseira, gente pobre elegante e gente pobre grosseira. Dinheiro diz o que você pode comprar, mas não limita sua postura.

Como supostamente disse Coco Chanel, “uma garota deve ser duas coisas: elegante e fabulosa”. E com isso, ela provavelmente quis dizer que, é chique adotar uma personalidade elegante e sentir-se fabulosa.

E a elegância é algo muito abstrato. Não é possível medi-la ou separar em regras, como uma fórmula matemática. Ela é um conjunto de atitudes que, acredita-se, serem educadas, polidas e gentis com os outros ao redor e consigo mesmo.

Mesmo sendo uma arte humana e não uma engenharia, você pode seguir alguns segredos para trazer mais elegância para o seu comportamento. Vamos lá?

Confira a lista (parte 2)  e veja o que você pode adotar desde já para ser uma pessoa melhor.

– Ouve e sabe apreciar as coisas que os outros gostam, mesmo que sejam coisas que não goste ou concorde. Por exemplo, você pode gostar de bossa nova, mas tem que respeitar quem curte outros estilos musicais, como sertanejo ou funk. Nunca ache que só o que você gosta é bom, respeite o gosto e a cultura dos outros.

– Sabe reconhecer seus erros, tenta consertá-los e não tem vergonha de pedir desculpas. Reconhecer as próprias falhas e fazer algo a respeito não é humilhação, é elegante e humilde. É algo que deve ser praticado todos os dias.

– Nunca fala mal dos outros. Por mais difícil que seja e muitas vezes sejamos tentados a fazer isso, é bom evitar. Falar mal dos outros mostra mais sobre o seu caráter do que sobre o deles. Se você não gosta de alguém, afaste-se em vez de ficar fofocando pelas costas.

-Sabe manter o controle mesmo nas situações mais caóticas. Quando algo ruim acontece, não é necessário gritar, entrar em pânico, xingar e usar palavras pesadas. Mantenha a calma. A agressividade não vai fazer nada se resolver mais rápido ou melhor.

– Tenta não julgar as pessoas pela aparência e evita estereotipá-las. É muito importante saber calar aquela “voz interna” que fica julgando as pessoas mentalmente enquanto a gente observa uma pessoa na rua ou numa roda de amigos. Procure deletar tudo que você acha que a imagem da pessoa está te passando e tente conhecê-la de verdade.

– Fala em um tom médio, nem muito baixo e nem gritando. A mulher elegante fala em um volume que permite que todos a escutem em bom som, mas também não grita, pois sabe que isso não é necessário. É bacana também procurar melhorar a dicção para ser bem entendida. Saber falar bem é muito elegante.

– Aprecia e exercita um senso de humor saudável. Nada pior do que alguém que não ri de nada, que não faz brincadeiras e que não se diverte com a vida. Para ser alguém agradável de estar por perto, não seja carrancuda.

– Sabe dizer não sem ser grosseira. Na vida precisamos dizer muitos “nãos”, mas isso não significa que precisemos ser grossas. A não ser que a situação em si já seja uma grosseria. Nesse caso, use seu julgamento e aja como achar melhor.

– Pratica a gratidão, agradecendo sempre que possível. Agradeça sua mãe pela ligação inesperada, seu companheiro de trabalho por uma gentileza, seu carteiro por colocar a revista em um local seco e seguro, a professora do seu filho por tê-la avisado sobre seu comportamento, um amigo por aquela carona que te salvou o dia, o caixa do mercado pelo troco que você tanto precisava. Agradeça mais. Por coisas simples, por coisas não tão simples. Mas agradeça.

– Cultiva amizades de variadas origens, culturas e grupos. Quem convive apenas com pessoas de um grupo semelhante acaba sem saber como é a vida fora dessa bolha. Conheça gente de idades, raças, culturas, religiões e países diferentes. Pessoas de origens diferentes agregam histórias e amizades riquíssimas na sua vida, experiências que dinheiro nenhum compra.

– Valoriza e celebra as conquistas de outras mulheres. Neste momento em que mais do que nunca tem se falado em feminismo, pratique-o. Pratique a empatia por outras mulheres. Celebre as conquistas das suas amigas. Seja fã de artistas mulheres. Leia livros escritos por mulheres. Vote em mulheres. Não ignore as mulheres que estão se inserindo em territórios que antes eram dominados apenas pelos homens.

E aí, gostaram? Deixe o seu comentário!

Bjocasss

 

Comments

comments

Recent Posts
Fale comigo

Envie sua mensagem que retornarei o quanto antes!

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search