In Dicas de Moda

Olá, amores!

Tudo bem?

Alguém aí gosta de um brilhinho nos dresses? É muito comum a gente optar por algum vestido ou peça com brilho para algum evento, concordam?

Mais do que normal!

Mas…. Apostar em peças brilhantes na hora de montar a produção para sair de casa e arrasar por aí pode virar uma grande armadilha fashion, sabiam?

Afinal, dependendo do evento que você for, a quantidade de paetês tem de ser contada nos dedos. Mas como descobrir as regrinhas de etiqueta? Pensando nisso,  resolvi  pesquisar bastante,  e preparei  esse post  com dicas, completo,  para você aprender como usar peças brilhantes sem que elas apareçam mais do que você, sem pagar mico!

Há sugestões para o primeiro encontro, jantar com a família, no trabalho, na festa da firma e muito mais. Confira as sugestões e arrasem nas produções!

 Vamos lá:

Brilho Leve

Pontos de luz ou peças isoladas com cores sóbrias.

Primeiro Encontro

Use pouco brilho para não assustar o rapaz! Somente uma parte do figurino deve ter brilho (mangas, detalhes no busto, pequenos desenhos ou em determinada área da peça). Além da quantidade de paetês, é importante prestar atenção no material utilizado. Prefira os mais discretos.

Jantar com a família

Não sou fã do look holofote, super brilhante para um encontro familiar. Neste caso, o interessante é investir em uma única peça chamativa, como uma blusinha ou uma saia brilhante. Look brilhante total, nesta situação, “apenas se o jantar for em uma boate”.

Brilho no trabalho

No ambiente profissional, invista em modelitos discretos, com cores básicas e estampas super minimalistas. O brilho deve ser somente nos acessórios, não na roupa inteira, já que o ambiente profissional pede um visual mais sério, que não deve atrapalhar e, sim, complementar.

Durante o dia

Brilhos discretos! Essa é a chave do sucesso para não errar na hora de sair de casa e realizar as tarefas habituais do dia a dia. Um bordado bem localizado em camisetas, camisas ou vestidos, brincando com as cores, pode ser uma boa saída para encarar a semana.O brilho aumenta, chama a atenção. Então tenha cuidado aonde ele está localizado no look.

Brilho Moderado

Festa da firma

Aposte nos materiais pequenos, como paetês, miçangas, canutilhos, cristais foscos ou leitosos, em pouca quantidade e na mesma cor do tecido. Tecidos que já tenham brilho, como o cetim de seda, peletizados ou shantung, podem ser uma boa alternativa.  A dica é evitar os tafetás e os metalizados.

A formanda está liberada e pode arrasar no brilho. Na peça toda (se não for algo muito gritante) ou nos detalhes, ela tem de estar chique, linda e à vontade para curtir a festa.  O ideal é apostar nos paetês, pedrarias, canutilhos ou tecidos metalizados, como o lamê ou lurex. Para quem está acima do peso, o ideal é optar por um modelo com paetês pequenos e de tons escuros.

Casamento

Uma área maior da peça pode ser bordada, a saia ou ainda a peça inteira. O material utilizado também pode ser mais chamativo, maior e bem brilhante. Invista nas pastilhas, pedrarias etc. Já na escolha do tecido, opte pelos tafetás, metalizados, cetins, cirés.  Quanto mais tarde o evento for, mais brilho a roupa pode ter. E quanto mais glamurosa for a festa, mais brilho está liberado. A noiva pode usar e abusar de brilho o quanto quiser. Afinal, ela é a figura feminina principal da festa.

Brilho Total

Para formaturas ou eventos de gala. Cuidado para não exagerar nos acessórios!

Na balada

Dá para ousar um pouco mais. Se a pessoa gosta de saia curta, decotes, cores chamativas e peças da moda, essa é a hora de usá-las. O brilho está liberado.   Mas não esqueça: não é porque você saiu para dançar que é obrigada a deixar de lado o seu estilo pessoal. Evite criar um personagem que possa vir a arrasar na balada. A roupa deve complementar quem você é e não criar um novo você.

E aí, gostaram? Deixe o seu comentário!

Bjocasss

Comments

comments

Recommended Posts
Fale comigo

Envie sua mensagem que retornarei o quanto antes!

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search