In Turismo

Olá, meus viajantes! Tudo bem com vocês? Espero que esteja tudo azul por aí! Felizmente o final do ano chegou! Hora de arrumar as malas e “botar” o pé na estrada. Tem coisa melhor que isso? Com certeza é a época que mais gosto! E vocês? Quais são os planos para a virada? Copacabana? Paris? NY? Casa do vizinho? Quero saber tudinho, hein? Me mandem fotos, muitas fotos!

Pois bem, tenho recebido alguns recadinhos de pessoas que vão viajar de avião pela primeira vez nestas férias. Não é vergonha perguntar! Tudo tem sua primeira vez, né? Estou sempre à disposição para sanar qualquer dúvida. Pensando nisso, decidi escrever uma matéria detalhada, explicando como funciona o procedimento desde a compra da passagem até o desembarque no destino final.

Vamos lá?

PASSO 1 – EMISSÃO DOS BILHETES   

Foto By Konkero

        

Amo! É aquele momento que até choro de emoção (dramático). Planejar uma viagem é tudo de bom, né? Comprar as passagens é o primeiro passo para um roteiro ganhar forma. Sempre indico comprar os bilhetes no próprio site da companhia aérea escolhida. Além de mais seguro, os outros sites (Decolar, Skyscanner, entre outros) cobram taxas de serviço. É uma questão de opinião, certo? Não precisam seguir 100% das dicas que dou!  Os sites da Gol, Latam, Azul, Passaredo, Avianca e até mesmo as companhias internacionais são bastante intuitivos. Existem muitos meios pelos quais vocês podem comprar suas passagens aéreas. São elas as agências de turismo online, agências de turismo físicas, canais de venda por telefone, sites das companhias e lojas que as mesmas possuem em aeroportos. Fiquem à vontade! Estejam sempre atentos às informações. Antes de finalizarem a compra, confira todos os dados pessoais, do cartão de crédito, quantas vezes vão dividir a passagem, horário do voo e o dia. Conheço muitas pessoas que compraram bilhetes para o dia errado. A confirmação com o localizador costuma chegar no e-mail pessoal poucos minutos após finalizar a compra. Caso não chegue após 2 horas, o ideal é ligar para o atendimento da companhia. Mesmo não sendo obrigatório, aconselho imprimir a confirmação. Caso haja algum problema no sistema (acontece 1 vez em 1 milhão), vocês têm provas concretas que emitiram a aérea. 

 

COM QUANTA ANTECEDÊNCIA VALE A PENA COMPRAR?

Comprar muito antes nem sempre é a melhor opção. As companhias aéreas disponibilizam passagens com um ano de antecedência. Com o passar dos meses os valores vão se alterando de acordo com os assentos disponíveis na aeronave. Provavelmente os preços se reduzirão, ou seja, não se afobem.

Voos nacionais

Baixa temporada: de 25 a 40 dias de antecedência- antes de 60 dias NÃO é comum encontrar promoção

Alta temporada: de 60 a 90 dias de antecedência.

Voos internacionais

Baixa temporada: de 50 a 80 dias de antecedência.
Alta temporada: de 120 a 180 dias de antecedência.

PASSO 2 – CHECK –IN WEB

Photo by Jet Airways

O check-in é indispensável para a realização da viagem e confirmação do assento no voo.

Se o fizer no site, você poderá escolher o assento antecipadamente e receber o cartão de embarque por e-mail. Como disse anteriormente, os sites são intuitivos, ou seja, de fácil manuseio. Algumas informações são pedidas no ato do check-in Web, tais como contato para emergência, número da identidade ou CPF. Se você não estiver levando mala com mais de 23kg, vale a pena fazer o check-in pela internet, pois não enfrenta fila. Não se preocupe caso não tenha impressora em casa para imprimir o cartão,pois  podem ser impressos no aeroporto, ou poderá baixá-lo no celular, basta mostrar para os agentes aeroportuários quando solicitado. Se você fez o check-in Web e tem o cartão de embarque em mãos ou celular, basta ir direto para o embarque, sem passar nos guichês que ficam localizados no saguão. Viaja com bagagem, mas já fez o check-in web? Entregue-as nos balcões das companhias aéreas, identificados com a frase “Entrega de bagagem / Bag Drop”. Caso não se sintam seguros, enfrentem a fila e faça o check-in “face to face” com os funcionários da cia aérea escolhida.

Estejam atentos à um detalhe: FRANQUIA DE BAGAGEM. Para mais informações acessem o site https://www.skyscanner.com.br/noticias/dicas/bagagem-de-mao-e-bagagem-despachada-saiba-os-tamanhos-e-os-pesos-permitidos

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA EMBARQUE NACIONAL

Maiores de 18 anos: documento de RG em boas condições, carteira funcional com foto (como OAB, CRM, CREA, PASSAPORTE, CNH.).

entre 12 e 18 anos incompletos : podem viajar sozinhos – basta apenas apresentar documento legal de identificação com foto que comprove a idade.

Entre 5 e 11 anos e 11 meses: se faz obrigatória a autorização da vara da Infância e da Juventude. Essa autorização deve ser solicitada pelo responsável legal que levará a criança no aeroporto.

Fonte: edestinos.com.br

 

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA EMBARQUE INTERNACIONAL

 

Para embarcar na maioria dos voos internacionais, é necessário ter passaporte. Porém, se o país de destino é membro do Mercosul ou tem acordo de viagem com o Brasil (Argentina, Paraguai, Uruguai, Chile, Venezuela e Bolívia), os documentos abaixo também podem ser utilizados:

  • Carteira de Identidade (RG);
  • Registro de Identidade Civil (RIC);
  • Cédula de Identidade de Estrangeiro expedida pela Polícia Federal (RNE).

 Maiores de 18 anos: Passaporte com validade mínima de seis meses (ou conforme exigência do país visitado) ou documento de RG original em bom estado e com emissão há menos de 10 anos.

– Menores de 18 anos: passaporte ou documento de RG (certidão de nascimento não é aceita).

Lembre-se que passaportes corrompidos ou inválidos não podem ser documentos usados para cruzar a fronteira em nenhum caso. As autoridades recusarão a entrada do passageiro a bordo da aeronave, sem direito a reembolso.

Para voos internacionais, o RG ou Certidão de Nascimento deve ser original. Em caso de viagem com apenas um dos pais ou com parentes, é exigida uma autorização assinada e autenticada em cartório dos pais faltantes, em duas vias. Os documentos são válidos pelo período determinado na autorização.

Fonte: edestinos.com.br

 

PASSO 3 – EMBARQUE

 

Para entrar no avião todos os passageiros  deverão estar com os documentos com foto e o bilhete ( impresso ou celular). Mostre para o agente aeroportuário quando solicitado. Atentem-se às mudanças de portões e chamadas. Agora é só curtição! No cartão de embarque consta o assento e outras informações sobre o voo. Não há com o que preocupar! Ficou com alguma dúvida? Pergunta para as inúmeras pessoas que estão caminhando pelo aeroporto. O importante é NÃO perder o avião. 

PASSO 4 – DESEMBARQUE

Assim que a aeronave pousar, os comissários de voos informarão várias coisas, tais como: Em qual esteira a mala será colocada, qual o horário, temperatura, etc. O processo pode levar vários minutos, uma vez que a maioria dos aeroportos são extensos. Sem afobação, por favor! A equipe de terra estará sempre prontos para informá-los sobre qualquer coisa. Siga as placas. Existe sinalização por todo canto.        Não tem erro! Dúvidas? Chame alguém!

PASSO 5 – RESTITUIÇÃO DA BAGAGEM

 

Restituição de bagagem é o processo, nos aeroportos, no qual as bagagens são colocadas nas esteiras rolantes, nas áreas de desembarque, para que o passageiro possa reaver seus pertences despachados no vôo. Existem televisões perto das esteiras, informando a origem do voo. Atentem-se ao NÚMERO do voo, pois várias aeronaves podem chegar do mesmo lugar. Quando avistar sua mala, puxe-a com cuidado. Caso a bagagem não esteja na esteira, procurem os agentes que se encontram, também, no desembarque.

Enfim, chegamos!

Estão vendo que não é complicado!? O segredo é estarmos sempre atentos às informações. Não tenham vergonha em dialogar com outras pessoas!

Afinal, quem tem boca VAI a Roma!

Quem sabe não nos encontramos em algum voo por aí?

Um abraço forte e “bão”!

 

 

 

 

 

Comments

comments

Recent Posts
Fale comigo

Envie sua mensagem que retornarei o quanto antes!

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search