In Turismo

Olá pessoal!

Tudo tim tim com vocês?

Mais um ano está chegando ao fim. É hora de agradecermos pelos momentos vividos até aqui, bons ou ruins, creio que todos serviram de aprendizado. Sabe aquele ano que você conheceu pessoas maravilhosas, conquistou àquilo que fora almejado um dia, sorriu bastante e realizou uma série de sonhos? Sim? Identificou-se?  Estou falando de 2017!

José Roberto Matias

Para celebrar a vida, as vitórias do ano, a alegria de viver, a vontade de ser sempre mais, vou compartilhar algumas dicas preciosas para as férias de final de ano. Afinal, nós merecemos aproveitar o que a vida tem para nos oferecer.  É o momento de embarcamos juntos, planejarmos roteiros maravilhosos. É proibido pensar ou citar a palavra estresse por aqui, hein? A partir de agora vamos compartilhar ideias sejam elas quais forem?

Estou muito feliz em poder dividir as melhores dicas de viagens no blog da queridíssima Dudi. É uma honra! É P-O-W-E-R! Espero que gostem!

Vamos lá?!

Confesso que não sei por qual lugar começar. Já tive a oportunidade de conhecer vários destinos maravilhosos, tanto nacionais quanto internacionais. Sou apaixonado pelo nosso Brasil, país lindo, praias exuberantes, culinária singular, povo gentil que seduz. Quero mostrar para vocês cada lugarzinho que já visitei.

É claro que cada pessoa tem seu destino favorito, certo? Sou fã número um da Inglaterra, especialmente de Londres. Pensem em uma cidade diferentona, agora multipliquem por mil. Se fosse para resumir em uma única frase minha passagem por Londres, citaria a expressão: MELHOR NÃO HÁ. Sim! Com letra maiúscula, para mostrar o tanto que gostei da danadinha. A cidade é extravagante e chama atenção de todas as formas de quem está ali.

Sinto que descrever todas as qualidades e lugares que visitei na capital do Reino Unido é algo que iria delongar esse post, então decidi mencionar os melhores lugares que almocei, jantei e visitei na minha breve passagem pela city.

Big Ben – exuberante!

Bom, quem optar por visitar Londres terá que gastar um pouquinho mais, se comparado com outros destinos europeus. Não é atoa que a cidade é conhecida pelo alto custo de vida. As estadias nos hotéis não são baratas, uma corrida de táxi é caríssima, os alugueis de imóveis uma fortuna.

Levando em consideração todos esses fatores, poupei meu dinheiro o tempo todo. Gastava só com o necessário. Afinal, Libra esterlina é uma moeda com um preço bastante salgado. Não ousei em restaurantes caros, optei por comidas simples e nutritivas, pois é preciso alimentar-se bem para dar conta de passear bastante. Já ouviram aquela frase de vó “Saco vazio não para em pé”? A maior verdade de todas!

Financial District of London and the Tower Bridge

Então “borá” lá…

Alimentação

Em Londres existem milhares de locais aconchegantes e charmosos para encontrar boa comida, beber o famoso chá das cinco e se divertir com os amigos nos Pub’s espalhados por quase todo canto. A cidade representa um pouco de cada pedacinho do mundo, consequentemente, podem-se encontrar estabelecimentos com comida japonesa, chinesa, italiana, francesa, brasileira, entre outras.

Vapiano

Um lugar maravilhoso e convidativo para fazer uma refeição deliciosa e com um preço bastante acessível é o restaurante italiano Vapiano. O método que o local utiliza é bacana, ágil e prático. Primeiro o cliente escolhe a sua massa preferida, em seguida seleciona alguns  ingredientes de preferência. Lá tem de tudo, desde macarrão até um simples cafezinho. E tem mais, tudo é preparado na sua frente por educados chefes de cozinha. Se não me engano, existem três unidades do restaurante em Londres, e todos possuem um ambiente climatizado e uma diferente decoração, deixando assim, o almoço ou jantar bem diferente e inesquecível.

Aos seguidores vegetarianos, o local possui deliciosos pratos para vocês!

Confiram um pouquinho do cardápio no link abaixo.

http://br.vapiano.com/pt/home/

Patisserie Valerie

O hotel que fiquei hospedado tinha a opção do café da manhã, porém preferi sair e conhecer as “padarias” de Londres. Em alguma manhã conheci a Patisserie Valerie,  localizada na 55 Wilton Rd, Victoria, Londres – CEP: SW1V 1DE, que me surpreendeu com um menu maravilhoso e completo, oferecendo diversos pratos e também uma variedade de tortas feitas na hora e com preços acessíveis. Você pode encomendar um bolo personalizado, adicionando frutas, doces e massas preferidas. Os bolos são encontrados por nada mais £25. Tudo lá é um charme, vale a pena tirar muitas fotos!

Saiba um pouco mais no site https://www.patisserie-valerie.co.uk/

La Tasca

Se você procura por um lugar diferentão, barato e bem saboroso, indico o La Tasca, comida típica espanhola, com um cardápio repleto de novidades. O clima do restaurante é aconchegante, os funcionários são educados e sorridentes.

Os preços podem ser conferidos no link: http://latasca.com/food-menus/main/

Pret a Manger

Por minha passagem na maravilhosa Londres, comi muitos sanduíches na Pret a Manger, um local muito agradável. O que me chamou muita atenção é que os itens são  feitos à mão, sem adição de conservantes.  O mais legal de tudo: Os produtos que não são vendidos ao longo do dia são doados para as pessoas mais necessitadas. É uma atitude de tirar o chapéu, não é? O local também vende saladas, sushis, sucos deliciosos, entre outros produtos. O preço varia de £3 a £10. Vale a pena fazer uma visitinha, tem diversas espalhadas por Londres!

https://www.pret.com/en-us

Dindin Kitchen

Excelente lugar para quem ama ser fitness. As saladas são preparadas na hora, com ingredientes selecionados e os wraps que compõem o prato. A sobremesa são frutas frescas, por sinal deliciosas. Os wraps custam em média £3,50. Eu adorei o local! Dá pra ser saudável longe de casa também, gente.

http://dindinkitchen.com/

Comida típica britânica

Para ser sincero não me identifiquei muito com a comida típica britânica, porém, o tradicional prato com tiras de peixes e batatas fritas é delicioso, repeti a mesma comida em algumas refeições.

Nos últimos dias que me restavam preferi comer massa nos restaurantes italianos ou deixava para comprar minha alimentação do dia em mercados. Procurei por alguns restaurantes chineses na famosa Chinatown ( bairro chinês de Londres), portanto, acabei mudando de plano e parando em um McDonald’s ou Subway, pois não achei os locais asseados como no Brasil.

Nos primeiros dias na cidade sobrevivi somente de pão, juro que não encontrava nada que me agradava e saciava minha fome. Os pães recheados são vendidos nos pequenos mercados, comuns em quase toda esquina da cidade. Carregava comigo uma mochila, muito prático para carregar objetos e comida que comprava na rua ou até mesmo para guardar blusa de frio. Os pães variam entre £0,99 a £2. As bebidas como suco, água e refrigerantes são baratas, sempre ficava indeciso em escolher o que beber, pois existem milhares de sucos naturais, algo incomum no Brasil. Enfim, saía do mercado feliz, com diversos pães, sucos e não gastava nada mais do que £5.  Vale a pena experimentar o morango britânico (gigantes, suculentos, docinhos), bem diferente dos da colheita brasileira.

Hospedagem

Fiquei hospedado em um aconchegante hotel Best Western Corona, localizado no Pimlico.  A região é bastante agradável, reservada, calma e sem muita algazarra de Pub’s. Os pontos turísticos são relativamente próximos ao hotel, por isso optei ir andando. Andei nada mais nada menos do que 30 minutos sem parar, mas foi uma caminhada incrível, cheia de novas descobertas. O hotel é simples e prático, banheiros pequenos e sem frigobar. Na entrada do hotel o hóspede tem acesso a diversos mapas e revistas com indicações de lugares para visita, além disso, é possível comprar alguns comes e bebes. É uma boa opção para quem quer economizar. Vamos ser sinceros? Hotel é só para dormir!

Simples e aconchegante. Vale a pena ficar hospedado nesse hotel! Tem meu selo de aprovação. Amei tudo!

Transporte

Andar por Londres é muito fácil. Os metrôs da cidade são limpos, seguros e conservados. Assim que desembarquei no Aeroporto de Londres (Heathrow) adquiri o cartão de transporte Oyster, que facilitou e muito de ficar desembolsando dinheiro a cada embarque que fazia.  Sem Oyster, uma viagem de metrô dentro da zona 1 custa £6,50 (R$ 32 no câmbio de abril/2016). Com Oyster, custa £2,40 (R$ 11,90). Quando desembarcar em Londres, não se esqueça de se informar sobre, existem diversos atendentes oferecendo o cartão.

Vou deixar um link aqui em baixo que explica tudinho sobre o card. Andar de metrô por Londres é vida! Tudo maravilhoso! É o meio mais indicado para desbravar a cidade.

https://www.viajenaviagem.com/2014/07/londres-oyster-travelcard-2por1

O modelo do táxi de Londres é um charme, dá muita vontade de desbravar a cidade dentro do transporte, mas se optar por locomover por esse meio, esteja disposto a gastar um bom dinheirinho. Existem muitas tarifas que variam de acordo com o dia da semana e horário, algo muito complexo de explicar por aqui,  Em Londres há dois tipos de táxis: os tradicionais Black cabs ( os bonitinhos pretinhos) e os minicabs, que são carros normais, estilo Uber. Eles não têm taxímetro, o preço é informado antes de começar a corrida. Não andei de táxi hora nenhuma, infelizmente não tenho muito conhecimento sobre.

Para entender um pouquinho mais sobre as confusas tarifas dos táxis, separei um link que pode te ajudar entender o funcionamento da cobrança.

https://www.tudosobrelondres.com/taxi

Uber é uma boa escolha para locomover em Londres, os motoristas são simpáticos e ágeis. As tarifas são mais baratas do que o táxi, porém mais caras do que o metrô. Mais uma vez indico andar de metrô!

O famoso ônibus de Londres é magnífico, não deixe de dar um “rolê”!

Viajantes, no próximo post darei dicas de lugares para visitar em Londres, o que vestir em cada estação do ano, uma vez que o clima por lá é imprevisível.  Muitas pessoas ficam “presas” em conhecer apenas pontos turísticos, perdendo muito tempo em filas. É gostoso sair do convencional, visitar os bairros inusitados da cidade. Cada pedacinho de Londres merece ser visitado.

Um abraço forte e “bão”!

Fiquem ligadinhos nas próximas dicas!

Fuuuuuuuuui !!

 

Comments

comments

Recommended Posts
Fale comigo

Envie sua mensagem que retornarei o quanto antes!

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search